“Deus é tão bom comigo”, diz agressor de Ana Hickmann

“Deus é tão bom comigo, tão bom, que, numa cidade de 3 milhões de habitantes, ele me mostrou aonde (sic) você estaria. Aonde você estaria… Ele me mostrou em que hotel você estaria, que horas você chegaria, aonde é o showroom com você que você iria, de tão bom que ele é comigo.”

A citação diz tudo: o maníaco que atacou Ana Hickmann no dia 21/05, Rodrigo Augusto de Pádua, cria ter uma “comunicação” com Deus. Nada incomum: em casos de tresloucados que perpetram atrocidades como essas, freqüentemente Deus é mencionado. Nunca vi cometerem crimes e alegarem “Fiz porque Deus não existe”. Ateus FTW.

 

Fonte

http://ego.globo.com/famosos/noticia/2016/05/caso-ana-hickmann-ouca-o-audio-do-atentado-contra-apresentadora.html, em 1:55

 

© 26 de Maio de 2016, por Klaus die Weizerbüken. Cópia permitida mediante crédito ao autor e ligação ao blogue.

Anúncios

~ por Klaus die Weizerbüken em 26/05/2016.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: