Erros de Português na Internet – 13 (Edição Especial)

Edição especial de número 13 para o ano de… 2013 ! “Especial” porque colocarei 5 imagens errôneas em vez de uma só. Vamos à primeira:

Erro Agbook - Falta de vírgula
Não clique na imagem para ampliá-la e melhor apreciá-la, pois já é pequena demais.

Fonte: Agbook
Comentário irônico: Olá ignorante que escreveu isso.
Comentário gramatical: o erro mais simples dessas cinco imagens. É uma pena que seja tão comum. Arriscaria dizer que, de 10 pessoas, 7 escrevem assim: não colocam vírgula para separar o vocativo. Vamos aprender de uma vez por todas: o vocativo DEVE ser marcado na frase. Por “marcado”, quero dizer “destacado”; ele tem de estar diferente, tem de ter algo especial que o identifica como o vocativo (com quem se fala) e que não permite que o confundamos com qualquer outra coisa na frase. Como fazer isso ? Muito simples: separá-lo por vírgulas ! Se a frase não continuasse após a menção do vocativo (no caso, Klaus – eu), viria um ponto: Olá, Klaus. No caso em questão, continua, então ficaria “Olá, Klaus, blá-blá-blá” (o blá-blá-blá poderia ser algo do tipo “como tem passado ?” ou “tudo bem ?”). Simples, não ? Muito me admira que as pessoas tenham preguiça de colocar essa virgulazinha em “Olá, pessoal” ou em “Olá, meu caro amigo”. Afinal, “pessoal” e “meu caro amigo” são termos/expressões que se referem a com quem se fala, ou seja, o vocativo da frase.

Segunda:

Erro e-mail - Falta de vírgula
Não clique na imagem para ampliá-la e melhor apreciá-la, pois já é pequena demais.

Fonte: Hotmail (não do site em si, mas de um e-mail recebido por meio dele)
Comentário irônico: não se preocupe que ninguém notaria esse seu erro; eu sim.
Comentário gramatical: este erro aqui é desconhecido de muita gente: existe diferença do “porque” usado numa oração coordenada explicativa (de explicação) e numa oração subordinada adverbial causal (de causa). Que diferença ? A vírgula (o uso dela ou não). No caso de uma or. coord. explicativa, o “porque” pode ser substituído sem problemas pelo “que”, já que as duas palavras são conjunções coordenativas (coordenam duas partes de uma frase). Antes desse “porque” ou “que”, deve haver vírgula. Nesse caso (da imagem), a explicação/a razão/o motivo para eu não me preocupar é de que não levarei “gato por lebre”. Atenção: essa é A explicação, a única. Não devo me preocupar somente por esse fator. Por outro lado, na or. sub. adv. causal, costuma-se dizer que a vírgula é facultativa, mas eu, sinceramente, discordo, pois a vírgula parece quebrar o ritmo da frase. Veja: “Não fui à festa porque estava doente”. Direta, sem pausa, sem interrupção. Não é o caso da imagem, pois o “porque” como conjunção subordinativa causal não pode ser substituído por “que” (“Não fui à festa que estava doente” não faria sentido, faria ?). A asserção de que eu não levarei gato por lebre não é a causa de eu não ficar preocupado, mas a explicação para tal fato ! Resumindo, a frase correta seria “Não se preocupe, que (ou porque) não vai levar gato por lebre.

Terceira e quarta:

Erro E-mail (Hotmail) - E nem
Erro E-mail (Hotmail) - E nem 2
Não clique na imagem para ampliá-la e melhor apreciá-la, pois já é pequena demais.

Fonte: Hotmail (não do site em si, mas de um e-mail recebido por meio dele)
Comentário irônico: não tenho vontade de comentar esse erro e nem de corrigi-lo.
Comentário gramatical: vamos esclarecer algo: “nem” é uma conjunção coordenativa aditiva, assim como o “e”. A grande diferença é que o “e” é positivo (indica mais) e o “nem” é negativo (indica menos). Logo, “você e eu” poderia ser escrito de forma mais “matemática” como “você + eu”. O nem se comporta da mesma forma, só que contrária; “nem eu nem você” seria muito bem “traduzido” como “eu não e você também não” (“nem eu nem você temos um carro” = “eu não tenho um carro e você também não”). Note que o “e” já está incluso no próprio “nem”. Logo, não se pode dizer o “nem” e o “e” também ! Outro grande detalhe: conjunções aditivas não pedem vírgula antes, então nunca escreva “nem eu, nem você” ou “não fiz a lição de casa, nem o trabalho de Química”.

Quinta !

Erro e-mail - Concordância
Clique na imagem para ampliá-la e melhor apreciá-la.

Fonte: Hotmail (não do site em si, mas de um e-mail recebido por meio dele)
Comentário irônico: sua resposta a mim foi muito agradável e me influenciarão bastante numa próxima compra com você.
Comentário gramatical: vejam só que interessante: acertou no vocativo entre vírgulas – como já citado aqui nesta postagem -, mas errou algo bem mais simples. O redator desse “textículo” errou concordância verbal, um erro considerado grave (por ser elementar). Notem que ele concorda o verbo “ser” com “suas críticas”, mas depois resolve colocar o “ajudará” no singular. Espere… Quem os ajudará a melhorar muito seus produtos ? As críticas também ! “Suas críticas” é o sujeito dessa oração (que é coordenada pelo uso da conjunção coordenativa aditiva positiva “e”). É como dizer “Seus conselhos são muito úteis e me ajudarão a melhorar cada vez mais”. Quem “ajudarão” ? Os conselhos. Talvez por ter ficado um tanto quanto longa a frase, o rapaz se esqueceu de quem era o sujeito da oração e concordou errado (ou, simplesmente, não sabia mesmo e cometeu o erro por ignorância). Perceba no “comentário irônico” como é mais fácil detectar esse erro quando o que está errado é o plural concordando com um termo singular, não o contrário (que é o que acontece na imagem e o que as pessoas costumam errar em geral). Correção: Suas críticas são muito construtivas e nos ajudarão muito a melhorar nossos produtos. Nota: ele acertou a regência do verbo “agradecer” (agradecer algo, não por algo).

© 30 de Dezembro de 2012, por Klaus die Weizerbüken (a cópia não-autorizada destes textos e/ou destas imagens pode resultar em pena de morte).

Anúncios

~ por Klaus die Weizerbüken em 31/12/2012.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: