Bate Tempo, Chega Hora

Bate tempo, chega hora,

Tanto tempo que se passa…

Tac, tic, tic, tac,

Tanto tempo o tempo abraça…

.

.

© Dezembro de 2008/Começo de 2010 por Klaus die Weizerbüken (a cópia não-autorizada deste poema pode resultar em pena de morte).

Anúncios

~ por Klaus die Weizerbüken em 04/06/2010.

2 Respostas to “Bate Tempo, Chega Hora”

  1. “Tudo tem o seu tempo determinado e há tempo para todo propósito debaixo do céu: há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de chorar e tempo de rir; tempo de abraçar e tempo de afastar-se; tempo de amar e tempo de aborrecer; tempo de guerra e tempo de paz.”

    Não perda seu tempo caro amigo.

    .

    .
    © Julho de 2010 por Guilherme die Weizerbüken (a cópia não-autorizada deste poema pode resultar em pena de morte).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: